sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Informações traduzidas (google tradutor) do Edital de Projetos que promovam a Paz


Objetivo do Programa

Novos e recorrentes conflitos continuam a atormentar muitas comunidades em todo mundo. Conflitos domésticos e internacionais em países como Afeganistão, Iraque, Colômbia, República Democrática do Congo e na Somália, entre muitos outros continuam a causar um enorme sofrimento e danos para as comunidades e infra-estrutura e dificultam o desenvolvimento econômico e social. Os custos em curso de ameaça ou eclosão de conflitos violentos tem custos enormes a longo prazo sociais, psicológicos, políticos, econômicos e ambientais. Causas dos conflitos e os fatores que contribuem para a sua escalada muitas vezes são variados e complexos. Ressentimentos históricos, discriminação e marginalização ao longo étnica, de gênero, religiosa, cultural e divisões raciais, a pobreza e em desenvolvimento, a concorrência sobre os recursos naturais, e incapacidade para resolver as diferenças de forma construtiva estão entre os fatores que muitas vezes levam a conflitos violentos. Resolução de Conflitos e Construção da Paz estão crescendo rapidamente campos. Uma vasta gama de atores, como governos, organizações governamentais internacionais e regionais, organizações locais e internacionais da sociedade civil, mulheres, líderes religiosos e especialistas em resolução de conflitos estão a realizar iniciativas para encontrar formas construtivas para responder a conflitos e promover a paz sustentável.
Como parte de seu mandato, JWF visa apoiar indivíduos e organizações que se esforçam para prevenir e responder a conflitos e estabelecer a paz duradoura. JWF reconhece que a paz é um processo dinâmico que exige uma visão de longo prazo e atender às necessidades imediatas das comunidades afetadas por conflitos. Para que a paz seja sustentável, ele precisa descansar nos princípios da segurança humana, a boa governação, o respeito pelo Estado de Direito e os direitos humanos, gênero capacitação e desenvolvimento social e econômico. Para ser eficaz e de longa duração, a construção da paz e as estratégias de resolução de conflitos deve ser suportado pela sociedade em geral, envolver todas as partes interessadas, e deve atender às necessidades sociais, econômicas, psicológicas e ambientais das partes, construir capacidades locais e capacitar os membros da comunidade. Alguns dos fatores críticos deste processo incluem envolver diferentes segmentos da comunidade (incluindo, mas não limitado a mulheres, jovens, líderes religiosos, comunidade empresarial, e meios de comunicação, entre outros); fomentar o respeito pelos direitos humanos, a boa governação, responsabilidade ambiental e diálogo entre as partes, e estabelecer as condições que promovem a justiça ea reconciliação.
Reconhecendo a importância fundamental de apoiar a construção da paz e iniciativas de resolução de conflitos, JWF está solicitando projetos criativos e inovadores que visam prevenir e responder a conflitos recorrentes e novas em todo o mundo, promover a coexistência pacífica através do diálogo e promover o pluralismo, a boa governação, a liberdade de crença , justiça e reconciliação, desenvolvimento econômico e social, o respeito pelos direitos humanos e igualdade de gênero e empoderamento.

Tópicos e Atividades do Projeto

Alguns dos temas de projetos de interesse incluem (esta lista não é exaustiva e JWF recebe de outros temas e idéias criativas):
  • Inter-comunitário e inter-estadual diálogo / cooperação
  • Educação para a paz
  • Pluralismo e multiculturalismo
  • Juventude, conflitos e construção da paz
  • Alerta precoce e de prevenção de conflitos
  • Mediação e negociação
  • Reconciliação pós-conflito
  • Desarmamento, desmobilização e reintegração
  • A boa governação, Estado de direito e justiça transicional
  • Pobreza, o desenvolvimento e consolidação da paz
  • Gênero e construção da paz
  • Religião e construção da paz
  • Papel da mídia em conflitos e construção da paz
  • Impactos sócio-psicológicos do conflito violento e cura trauma
  • Desenvolvimento social e econômico
  • Meios de comunicação social e de construção da paz

As atividades do projeto podem incluir, mas não se limitando, o seguinte (JWF recebe abordagens inovadoras e atividades do projeto):
  • Funções acadêmicas (por exemplo, a organização de seminários, conferências e painéis, a investigação empírica e publicações)
  • Sensibilização da comunidade (por exemplo, as iniciativas de habitação a preços acessíveis, iniciativas de construção da comunidade, prevenção de violência de gangues, as iniciativas de populações migrantes, iniciativas de relações de vizinhança)
  • Educação (por exemplo, o desenvolvimento curricular, formação de professores, programas de intercâmbio, viagens de campo, organizações estudantis)
  • Capacitação (por exemplo, treinamento de resolução de conflitos, formação de formadores, capacidade de liderança, habilidades de facilitação, habilidades de gestão)
  • Organização de base (por exemplo, as iniciativas de emprego, iniciativas baseadas na fé, iniciativas de igualdade de gênero, as iniciativas de paz, iniciativas de justiça social)
  • Mídia (por exemplo, artes, jornalismo, mídias sociais, aplicativos para mudança, documentário)

Elegibilidade

  • Organizações sem fins lucrativos e pessoas físicas (incluindo, mas não limitado a acadêmicos, ativistas, artistas, líderes comunitários, educadores, cineastas, jornalistas, acadêmicos, assistentes sociais e alunos) de todas as nacionalidades podem candidatar-se.
  • Propostas para apoiar ou promover projetos já existentes não são elegíveis.
  • Pelo menos um membro da equipe deve ter mais de 18 anos de idade.
  • Não há restrições geográficas sobre os candidatos.
  • Para cada pessoal-chave (os encarregados de gerir e supervisionar a execução do projeto, tais como diretores de projetos, gerentes de projeto, e aqueles que estarão envolvidos na execução do projecto), forneça um currículo que mostra as qualificações e competências do indivíduos para realizar com êxito os deveres e responsabilidades envolvidos na implementação do projeto.

Instruções Gerais

  1. As propostas devem ser apresentadas neste site, 11:59 em 30 de setembro de 2013.
  2. As propostas devem ser digitados e devem seguir os requisitos descritos na seção intitulada "Como Aplicar". Propostas não serão aceitas após o prazo.
  3. Todas as propostas devem ser apresentadas em Inglês.
  4. JWF não se responsabiliza por quaisquer custos incorridos pelos candidatos antes da emissão de um acordo com JWF.
  5. Apresentação de um projeto dá permissão JWF usar materiais do projeto em atividades de relações públicas de divulgação ou relevante.
  6. Duração do projeto deve ser de no máximo de 2 anos a partir da data de atribuição.
  7. JWF não tolera projetos fraudulentos de qualquer tipo. Isso inclui o plágio e a apresentação do trabalho de outros, como o próprio. Propostas fraudulentas serão rejeitados, se tal proposta for considerada fraudulenta depois de receber uma subvenção, JWF vai exigir a devolução do montante concedido.
  8. JWF poderá cancelar ou alterar as condições desta solicitação, a qualquer momento antes da adjudicação do contrato. JWF vai anunciar todas as mudanças feitas no site. Por favor, consulte o site regularmente.
  9. Questões relativas a esta solicitação deve ser submetida através do Sobre Contato.

O Prêmio

Objecto de financiamento, os planos de JWF para esta solicitação são os seguintes:
  • Financiamento total: EUA 500,000 dólares
  • Subvenções a projectos: EUA 50.000 dólares no máximo (para ser usado na implementação do projeto)
  • Grants será dado em três parcelas. Detalhes dessas parcelas será determinado de acordo com o plano de cada projeto e do contrato de concessão que será assinado entre JWF e os premiados trabalho.
  • Prêmios implementação bem sucedida (concedido após a implementação bem-sucedida de projetos):
    • Primeiro Lugar Prêmio: EUA $ 30000
    • Segundo Lugar Prêmio: EUA $ 20000
    • Terceiro Lugar Prêmio: EUA $ 10000
Cerimônia de Premiação
Após a conclusão dos projetos, um júri de especialistas vai avaliar a gestão, implementação efetiva e da qualidade das entregas dos programas. Projetos premiados também são esperados para apresentar seus projetos para o júri. Posters de projetos concluídos serão exibidos. O local da exposição será anunciado. Os projetos mais geridos e implementados com sucesso receberão prêmios acima mencionados, a fim de incentivá-los a seguir os seus esforços. 

Finalistas internacionais são responsáveis ​​pela aquisição de seus próprios vistos. JWF proporcionará uma carta-convite para a entrada finalistas internacionais, mas os finalistas mesmos devem cumprir todos os requisitos de visto.

Processo de Candidatura


A RFP envolve um processo de aplicação de duas etapas. O primeiro passo é a apresentação de um Resumo da proposta de 4 páginas (1000 palavras). Um júri de especialistas irá analisar as aplicações Resumo da proposta e identificar uma lista de 25 propostas. Na segunda etapa, os 25 candidatos a projectos serão convidados a apresentar uma proposta completa do projeto. Exigências das propostas de projetos completos serão anunciados mais tarde. Depois de analisar as propostas completas, premiados será determinada até que o valor total da subvenção é atingido.
Os aplicativos que estão completos e satisfazem os requisitos de elegibilidade serão submetidas a um processo rigoroso de revisão em duas etapas, que envolve (1) exame inicial do Resumi das Propostas por um júri de especialistas e (2) avaliação das propostas completas por um júri de especialistas. As decisões finais sobre todos os prêmios de concessão estão condicionadas à aprovação da JWF e financiamento disponíveis. JWF também pode facilitar a captação de recursos para fortes propostas que não foram concedidas devido a limitações orçamentárias.

Como se inscrever

A fim de solicitar a concessão, os candidatos devem apresentar os seguintes documentos. Você pode usar esse arquivo de MS Word como um modelo.

Capa

A capa não deve ter mais do que uma página (página de rosto não é incluída na Proposta Resumo de quatro páginas) e deve incluir o seguinte:
  1. Título do projeto
  2. Nomes de pessoas-chave
  3. Localização e duração do projecto
  4. Projeto resumo (até 200 palavras)

Resumo da proposta

O Resumo da proposta deve ser não mais do que quatro páginas ou 1.000 palavras e deve incluir uma breve descrição de o seguinte:
  1. Descrição e importância do projeto: Esta secção da proposta deve identificar o problema, a relevância e importância do projeto, como é que vai contribuir para a solução do problema, onde terá lugar, que são os principais interessados, e quem são os grupos-alvo.
  2. Os objetivos do projeto e atividades: Esta secção da proposta deve indicar os objetivos e metas do projeto e as atividades e metodologias propostas.
  3. Teoria da mudança: Teoria da mudança proporciona o nexo de causalidade entre as atividades do programa e seus objetivos declarados.Teoria da mudança deve identificar os resultados esperados do projeto e explicar como as atividades do projeto irá produzir as mudanças e resultados desejados.
  4. Equipe do projeto e as suas qualificações: Esta seção deve descrever quem estará envolvido na implementação do projeto e da divisão do trabalho, deveres e responsabilidades de cada pessoa envolvida no projeto proposto. Também deve explicar as qualificações, habilidades, conhecimentos e capacidade do pessoal para concluir o projeto.
  5. Monitoramento e avaliação: O acompanhamento ea avaliação deve explicar brevemente como o financiamento de projetos, atividades, resultados e impactos serão monitorados e por quem.

CVs

Currículos do pessoal-chave combinadas em um único arquivo.

Orçamento

A proposta do projeto deve apresentar um orçamento discriminado em uma folha de excel acompanhado por uma narrativa orçamento.O orçamento deve indicar o total dos custos e despesas propostas para a implementação do projeto. Também deve fornecer informações suficientes para apoiar adequadamente e explicar todos os custos propostos.
  • Os custos administrativos não deve ser superior a 10% do orçamento total.
  • Despesas regulares que não estão explicitamente relacionadas com o projeto não pode ser orçado dentro custos diretos.

Processo de Seleção

  1. O comitê de seleção irá analisar todas as inscrições que forem recebidas antes do prazo com base nos critérios estabelecidos.
  2. O comitê de seleção reserva-se o direito de rejeitar qualquer submissão.
  3. Resumo das Propostas será julgado nestes critérios em ordem decrescente de prioridade:
    • Descrição e importância do projeto (25%)
    • Os objetivos do projeto e atividades (20%)
    • Teoria da mudança (20%)
    • Equipe e qualificações (15%) do Projeto
    • Monitoramento e avaliação (10%)
    • Orçamento (10%)

Critérios de Seleção

A proposta de projeto forte pode incluir o seguinte:
  • A resolução de conflitos claramente articulada e foco a construção da paz
  • Demonstrar uma consciência de trabalho semelhante ou afim sendo realizado, e como o projeto proposto oferece uma contribuição única
  • Tem uma lógica de projeto bem desenvolvido (teoria da mudança) explicando claramente as metas e objetivos do projeto e como as atividades do projeto irá responder ao problema e alcançar os resultados desejados
  • Demonstra que a equipe do projeto tem capacidade organizacional e técnica, habilidades e conhecimentos necessários para implementar com sucesso o projeto
  • Demonstra possíveis riscos e desafios associados ao projeto, bem como as estratégias para mitigá-los
  • Tem um acompanhamento e avaliação do plano bem pensado, que irá fornecer evidências sobre se o projeto atingiu seus objetivos declarados
  • Tem um orçamento bem pensado e realista

Entregas

Durante e após a conclusão do projeto, os premiados são obrigados a apresentar o seguinte:

Os premiados são obrigados a apresentar relatórios intercalares a cada 4 meses. Estes relatórios devem incluir o progresso do projeto, descrição das atividades desenvolvidas, as mudanças no contexto e desafios enfrentados durante a fase de implementação, e se houver, os ajustes feitos ao projeto.

O mais tardar 60 dias após a conclusão do projeto, premiados deverão apresentar um relatório completo do projeto. Esse relatório deve resumir a implementação do projecto; atividades do projeto, os seus resultados, resultados e impactos; programa de resumos, histórias de sucesso, conquistas, e as principais actividades; fundos obrigado e desembolsado; resumo da implementação do subsídio, os problemas encontrados e como eles foram corrigidas . 

Premiados irão preparar cartazes de seus projetos para serem expostos. Estes cartazes devem incluir fotos, descrição do projeto, as atividades concluídas, resultados, impactos e histórias de sucesso. 

Dependendo da natureza do projecto, podem incluir publicações, documentários, etc.

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Edital de Chamada de Projetos que Promovam a Paz - até 30 de setembro


A Fundação Jornalistas e Escritores (Journalists and Writers Foundation) está recebendo projetos que promovam a paz para financiar com até 50 mil dólares, cerca de 140 mil reais. Os projetos das organizações que serão apoiados devem ser criativos e inovadores na prevenção e resposta construtiva a conflitos. 

Podem ser enviados projetos nas áreas de educação para a paz; diálogo e cooperação comunitário; conflito, juventude e pacificação; prevenção de conflitos; mediação e negociação; redução da pobreza, desenvolvimento e pacificação; igualdade de gênero e empoderamento, dentre outros.

Além do apoio financeiro para a implementação do projeto, que podem ter duração máxima de 2 anos, aqueles mais bem sucedidos receberão um prêmio de até 30 mil dólares, ou cerca de 75 mil reais.

O prazo para envio de propostas é dia 30 de setembro, e elas devem ser enviadas em inglês. A página com as informações completas está aqui.

Fonte: ABCR

terça-feira, 27 de agosto de 2013

Três Pontas/MG - Guarda Municipal promove Curso de Resgate em comemoração à Semana Nacional do Trânsito

SEMANA NACIONAL DE TRÂNSITO - 2013


Tema: Álcool e Trânsito: Responsabilidade e Efeitos
Evento: Curso de Resgate
Local: Tetro José Galvão de Paula (IBC)
Data: 27/08/2013
Horário:08h30min ás 17h30min


Em comemoração à Semana Nacional de Trânsito em Três Pontas/MG, foi realizado um Curso de Resgate, ministrado pelo Corpo de Bombeiros Militares, destinado a 29 (vinte e nove) profissionais, dentre eles Guardas Municipais; Policiais Militares; Policiais Civis; profissionais da área de saúde e profissional do auto socorro guincho e de autoescolas. O treinamento foi direcionado a ações especiais de urgência/emergências e abordou os seguintes temas: Avaliação da cena, Uso do EPI, sinais vitais, nível de consciência, prioridades da vítima, avaliação do paciente, hemorragias, fraturas, imobilização, suporte básico de vida, utilização de DEA, em aulas teóricas e práticas. Este curso de capacitação teve como objetivo ensinar novas técnicas e a maneira correta de aplicá-las, preservando a vida e a integridade física dos profissionais em situações de risco que fazem parte do seu cotidiano profissional. 



Fonte: Assessoria de Comunicação GCMTP

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Três Pontas/MG - Carreata abre a Semana de Trânsito



Denis Pereira – A Voz da Notícia

A Guarda Civil Municipal abriu na manhã desta quinta-feira (22), as comemorações da Semana Nacional do Trânsito que acontece em todo o Brasil de 18 a 25 de setembro, mas, em Três Pontas por conta das festividades do aniversário de morte do Venerável Padre Victor, as atividades são antecipadas.

Foi com uma enorme carreata que o evento foi aberto, com a participação de veículos de órgãos, empresas e instituições parceiras – Polícia Militar, Prefeitura, empresas de transporte coletivo, funerário, serviço de guincho e auto escolas. A maioria foram ônibus da Secretaria Municipal de Educação (SME), que fazem o transportes de alunos para a zona rural da cidade. O movimento começou no alto da Avenida Ipiranga em frente ao Posto Aeroporto. Os veículos desceram até o centro e chamaram a atenção de populares nas Praças Tristão Nogueira e Cônego Vitor, onde terminou a mobilização.

Até o próximo dia 15 de setembro, diversas atividades estarão sendo realizadas, principalmente abrangendo crianças, adolescentes e jovens que cursando o ensino fundamental e o ensino médio. O tema segue o cronograma da Década Mundial de Ação pela Segurança no Trânsito, definido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) escolheu o tema “Álcool e Trânsito: Responsabilidade e Efeitos”. Até o ano de 2.020, este será o foco da campanha, devido ao grande número de pessoas que morrem vítimas da violência no trânsito.

“Este ano, faremos um trabalho bastante abrangente, alcançando crianças, adolescentes e adultos, da importância de termos um trânsito mais seguro. Vamos ter palestras e concursos para crianças, palestras e cursos para motoristas e motociclistas”, afirmou o comandante da Guarda Civil Municipal (GCM) Edward Naves.





Dados de acidentes no Brasil são alarmantes
Segundo Federação Nacional das Empresas de Seguros Privados (Fenaseg) em 2012, morreram 143 pessoas por dia no Brasil, vítimas de acidente de trânsito. Aproximadamente 450 mil pessoas sofreram ferimentos, de gravidade leve a seríssima. Em 2011 foram pagas 239.738 indenizações por invalidez permanente. Mais de 51% dos acidentados estão na faixa etária de 18 a 34 anos. O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), estima que um acidente com morte custe em média R$ 567 mil.

Levantamento em TP mostra falta de atenção
Em março deste ano, a Polícia Militar de Três Pontas divulgou que levantamento realizado na cidade, desde janeiro, a maior causa de acidentes ocorridos foram por falta de atenção (41,66%). Em segundo lugar, com 17,85% dos casos, vem a desobediência à sinalização e a terceira maior causadora com 7,15% é a não manutenção da distância de segurança.

Jovem que morreu na MG 167 estava dirigindo embriagado 


Há pouco mais de um ano, a Equipe Positiva mostrou a reportagem de um acidente em que um motorista embriagado, provocou um acidente na MG 167 em Três Pontas e acabou morrendo.

Daniel Aleixo de Oliveira de 29 anos estava dirigindo um Fusca na contramão e bateu de frente com um Celta que seguia sentido Três Pontas/Santana da Vargem. Daniel morreu na hora. O motorista do outro veículo sofreu diversos ferimentos, foi internado em estado grave e passou por cirurgias.
O motorista do Fusca tinha acabado de sair de uma boate, onde já chegou embriagado. A informação de um taxista que encontrou com ele na estrada é que ele estava em alta velocidade e andando em zigue-zague. O veículo se transformou em uma “sanfona” e as imagens impressionaram. Como não usava cinto de segurança, Daniel Oliveira ficou com o corpo pendurado para fora do carro.

Fonte: EquipePositiva.com

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Três Pontas/MG - Semana do Trânsito discute efeitos da mistura direção e álcool


Abertura será nesta quinta-feira com carreata. Veículos que se envolveram em acidentes serão expostos e farão parte da programação que busca chamar a atenção para a responsabilidade de cada um
 
Denis Pereira – A Voz da Notícia

A Guarda Civil Municipal de Três Pontas está organizando e trabalhando nas festividades da Semana Nacional de Trânsito, com o tema: “Álcool e Trânsito: Responsabilidade e Efeitos”.

Apesar de os esforços dos órgãos de trânsito, a ocorrência de acidentes cresce a cada ano. É sabido que um dos fatores, atualmente, causadores de acidentes é o consumo de bebidas alcoólicas e outras drogas, mesmo com o enrijecimento da lei seca, que impõe ao condutor sob efeito de álcool multa de R$ 1.915.

O tema também discutirá a responsabilidade de cada cidadão no trânsito. A decisão que cabe a cada indivíduo em assumir o risco de dirigir alcoolizado, de falar ao celular enquanto guia ou de transitar segurando com uma única mão o volante. A Semana Nacional de Trânsito – prevista no artigo 326 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) – terá a missão de fazer o cidadão refletir sobre sua responsabilidade enquanto cidadão e integrante do sistema viário. A programação ocorre, anualmente, de 18 a 25 de setembro.

A população está sendo convidada a participar, pois haverá várias atividades para pessoas de diversas idades, desde crianças a idosos. A abertura será com uma grande carreata, depois com palestras, cavalgada, passeio ciclístico, concurso de pipas, entre outras.
 
VEJA ABAIXO A PROGRAMAÇÃO

PROGRAMAÇÃO DA SEMANA DE TRÂNSITO- 2013
1
Carreata em Comemoração à Semana do Trânsito Data: 22/08/2013  Horário: 09h00min  Local: Auto Posto Aeroporto
2
Palestras em Escolas
3
Concurso de Frases/ Tema: “Álcool e Trânsito: responsabilidade e efeitos”Alunos do Ensino Fundamental (1º ao 5º Ano)
4
Concurso de Redação/ Tema: “Álcool, outras drogas e a segurança no trânsito: efeitos, responsabilidades e escolhas”.Alunos do Ensino Fundamental (6º ao 9º Ano) e do Ensino Médio
5
Curso de Resgate  Início: 27/08/2013  Local: Anfiteatro da COCATREL (IBC)
6
 Curso de Direção Defensiva para os condutores de Automóveis Data: 03/09/2013  Horário: 19h30min  Local: Anfiteatro da COCATREL (IBC)
7
Blitz Educativa para Veículos de Transporte de Trabalhadores Rurais  Data: 05/09/2013 Horário: 06h30min e 17h30minLocal: Rua Barão da Boa Esperança
8
Palestras para os MotocilistasData: 05/09/2013Horário: 20h00minLocal: IBC (Anfiteatro da COCATREL)
9
Cavalgada BeneficenteData: 07/09/2013Horário: 10h00minLocal: Em frente ao Centro de Eventos
10
Concurso de PipasData: 08/09/2013Horário: 09h00minLocal: Ginásio do Parque Multi Uso (Mina do Padre Victor)
11
Passeio Ciclístico e Palestra para os Participantes- Sorteio de BrindesData: 15/09/2013Horário: 09h00minLocal: Av. Oswaldo Cruz, Centro
12
Caminhada para Terceira Idade e Palestra para os ParticipantesData: 15/09/2013Horário: 08h00minLocal: Av. Oswaldo Cruz
13
Exposição de Fotos e de Veículos AcidentadosData: 15/09/2013Horário: 09h00minLocal: Av. Oswaldo Cruz
14
Blitz Educativa- Alunos de EscolasData: 16/09/2013Horário: 09h00minLocal: Av. Oswaldo Cruz
15
Encerramento da Semana Nacional do Trânsito- PremiaçõesData: 17/09/2013Horário: 09h00minLocal: Centro Cultural Milton Nascimento

Fonte: EquipePositiva.com

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Senasp oferece recursos para aprimorar guardas municipais com efetivo igual ou superior a 200 integrantes

Guardas municipais de todo o Brasil poderão contar com recursos do Governo Federal para treinamento, promoção de saúde e valorização profissional. Estas ações estão sendo viabilizadas pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça (Senasp/MJ), por meio de convênios que poderão ser firmados diretamente com os municípios.

Na quarta-feira (07), a Senasp/MJ divulgou o processo de seleção de propostas referentes a projetos voltados aos órgãos municipais de segurança pública. Os valores que podem ser repassados pelo Governo Federal vão de R$ 100 mil a R$ 1 milhão, a depender do tamanho do efetivo da instituição contemplada. Poderão participar municípios cujo efetivo é igual ou superior a 200 integrantes.

Os recursos são destinados a despesas com aquisição de bens e contratação de serviços em temáticas como redução de riscos ocupacionais e de vitimização profissional; desenvolvimento pessoal, bem-estar e melhoria das condições de trabalho dos agentes; e aprimoramento do ambiente educacional e aprimoramento do ensino, entre outras. As ações são voltadas á valorização dos profissionais de Guarda Municipal, com resultados na melhoria da prestação de serviços à população.
As propostas de parceria deverão ser cadastradas e enviadas pelas prefeituras, para análise, via Portal de Convênios Siconv, no período de 21 de agosto a 13 de setembro de 2013. Mais detalhes podem ser vistos no Edital de Chamada Pública Nº 2, publicado na Seção 3 do Diário Oficial da União nº 151 de 7 de agosto de 2013.
Agência MJ de Notícias
(61) 2025-3135/3315
acs@mj.gov.br
www.justica.gov.br

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

MJ destina R$ 20 milhões guardas municipais

Brasília (08/08/2013) - O Ministério da Justiça vai destinar R$ 20 milhões para projetos municipais sobre educação e promoção de melhoria da saúde e das condições de trabalho dos guardas municipais. Para obter essa linha de recursos, as prefeituras que contam com efetivo de mais de 200 guardas devem apresentar propostas no edital de chamada pública nº 2, de 02 de agosto de 2013 da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). As propostas deverão versar sobre pelo menos um tema em cada área.

Na educação, os temas são criação e aprimoramento de laboratórios de informática que possibilitem a inclusão digital dos profissionais da Guarda Municipal; Criação e aprimoramento de ambiente educacional (aquisição de equipamentos para salas de aula, auditório, salas de estudo e outros); Cursos destinados aos guardas municipais que exercem a atividade de docência na instituição em temáticas específicas; Cursos destinados aos operadores da guardas municipais em temáticas específicas. Já os temas de promoção de melhoria da saúde e das condições de trabalho são os seguintes: redução de riscos ocupacionais e de vitimização profissional; prevenção, tratamento e encaminhamento em casos de uso abusivo e dependência de álcool e outras drogas; e qualidade de vida (desenvolvimento pessoal, bem-estar e melhoria das condições de trabalho).

Os projetos são encaminhados ao governo federal por meio do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv). As propostas deverão ter orçamento entre R$ 100 mil e R$ 1 milhão. O valor máximo da proposta, no entanto, varia de acordo com o tamanho do efetivo da Guarda Municipal do município. O período para apresentação de propostas via Siconv vai de 21 de agosto a 13 de setembro.

Audiência pública para esclarecimentos de dúvidas

A Senasp/MJ realizará audiência pública no dia 14 de agosto para esclarecimentos sobre o edital com o objetivo de financiar ações de educação e de promoção da saúde e melhoria de condições de trabalho dos guardas municipais. A programação da audiência contemplará uma breve capacitação para formulação de propostas e orientações técnicas para preenchimento do Siconv.

Data: 14 de agosto de 2013
Local: Ministério da Justiça - Anexo II - 1º subsolo - Mini Auditório da CGRH
Horário: 10:00 às 12:00 e 14:00 às 18:00

A audiência pública será transmitida via Rede EAD para os gestores e guardas municipais dos municípios com efetivo mínimo de 200 profissionais. Os gestores de convênio dos proponentes também poderão fazer perguntas online via Chat da plataforma EAD. A presença na audiência pública ou a participação via Chat devem ser confirmadas através do e-mail: ensino.senasp@mj.gov.br até o dia 13 de agosto de 2013.

Acesse mais informações sobre o edital


Agência MJ de Notícias
(61) 2025-3135/3315
acs@mj.gov.br
www.justica.gov.br

Ministério da Justiça destina R$ 20 milhões para guardas municipais

O Ministério da Justiça vai destinar R$ 20 milhões para projetos municipais sobre educação e promoção de melhoria da saúde e das condições de trabalho dos guardas municipais. Para obter essa linha de recursos, as prefeituras que contam com efetivo de até 200 guardas devem apresentar propostas no edital de chamada pública nº 2, de 02 de agosto de 2013 da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). As propostas deverão versar sobre pelo menos um tema em cada área.

Na educação, os temas são criação e aprimoramento de laboratórios de informática que possibilitem a inclusão digital dos profissionais da Guarda Municipal; Criação e aprimoramento de ambiente educacional (aquisição de equipamentos para salas de aula, auditório, salas de estudo e outros); Cursos destinados aos guardas municipais que exercem a atividade de docência na instituição em temáticas específicas; Cursos destinados aos operadores da guardas municipais em temáticas específicas. Já os temas de promoção de melhoria da saúde e das condições de trabalho são os seguintes: redução de riscos ocupacionais e de vitimização profissional; prevenção, tratamento e encaminhamento em casos de uso abusivo e dependência de álcool e outras drogas; e qualidade de vida (desenvolvimento pessoal, bem-estar e melhoria das condições de trabalho).

Os projetos são encaminhados ao governo federal por meio do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv). As propostas deverão ter orçamento entre R$ 100 mil e R$ 1 milhão. O valor máximo da proposta, no entanto, varia de acordo com o tamanho do efetivo da Guarda Municipal do município. O período para apresentação de propostas via Siconv vai de 21 de agosto a 13 de setembro.

Audiência pública para esclarecimentos de dúvidas
A Senasp/MJ realizará audiência pública no dia 14 de agosto para esclarecimentos sobre o edital com o objetivo de financiar ações de educação e de promoção da saúde e melhoria de condições de trabalho dos guardas municipais. A programação da audiência contemplará uma breve capacitação para formulação de propostas e orientações técnicas para preenchimento do Siconv.
Data: 14 de agosto de 2013
Local: Ministério da Justiça – Anexo II – 1º subsolo – Mini Auditório da CGRH
Horário: 10:00 às 12:00 e 14:00 às 18:00

A audiência pública será transmitida via Rede EAD para os gestores e guardas municipais dos municípios com efetivo mínimo de 200 profissionais. Os gestores de convênio dos proponentes também poderão fazer perguntas online via Chat da plataforma EAD. A presença na audiência pública ou a participação via Chat devem ser confirmadas através do e-mail: ensino.senasp@mj.gov.br até o dia 13 de agosto de 2013.
Acesse mais informações sobre o concurso

Agência MJ de Notícias
(61) 2025-3135/3315
acs@mj.gov.br
www.justica.gov.br

Alfenas/MG - Guarda Municipal realiza operação e apreende adolescente com 05 buchas de maconha

   

    A Guarda Municipal de Alfenas vinha recebendo varias denuncias de que a  Praça Rachid B Saliba estava  sendo frequentada por usuários e traficantes de drogas, diante do fato  foi montada uma operação contando com contingente de dez GMs, que conseguiram cercar toda a praça e aborda 10 indivíduos, sendo 07 homens e 03 mulheres, onde foram submetidos a busca pessoal e nada de ilícito foi encontrado na posse dos abordados.

   Porem quando estavam sendo qualificados, uma denuncia anônima possivelmente de um morador das imediações recebida pelo 190 da policia militar que foi repassado de imediato para a equipe da GM, de que o entorpecente estava escondido em um determinado local da praça e  que o responsável pela droga seria um rapaz que estava entre os abordados e usava um  boné roxo.

  Ao verificar o  local  foi encontrado 05 buchas de maconha, ao questionar o  individuo citado na denuncia tratando do menor L.G.P.C de  16 anos  este assumiu ser dono da droga, diante dos fatos ele foi apreendido cientificado dos seus direitos constitucionais e conduzido para a delegacia de policia  para demais providencias.



segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Diamantina/MG - Prefeito se reune com a Guarda Municipal para definir novos formatos de trabalho para a classe



Na última quinta-feira (1°), às 14h00, reuniram-se com o prefeito Dr. Paulo Célio e com o vice-prefeito Cássio Moreira, membros da comissão de representação da Guarda Patrimonial do Munícipio e a assessoria jurídica do executivo.
Diversos temas foram abordados na pauta, entre eles a criação de dotação orçamentária específica para a reestruturação e regulamentação da Guarda Patrimonialna Lei de Diretrizes Orçamentárias - LDO; aquisição de materiais e equipamentos de proteção individual; readequação da Guarda conforme os protocolos do Ministério da Justiça; Plano de Carreira da Guarda Municipal, além de outras demandas para melhorar a qualidade de vida e prestação de serviços dos agentes.
De acordo com o Guarda Patrimonial José da Conceição Vieira, presidente da comissão que representa a guarda, a reunião foi bastante positiva. “Saímos muito satisfeitos com a recepção e atenção do prefeito. Ele foi bem claro e nós estamos com muita esperança de que seremos atendidos dentro das possibilidades da prefeitura”, declarou o guarda. O prefeito de Diamantina debateu todas as demandas apresentadas pela comissão e adiantou que fará o possível para apoiar e atender as necessidades da Guarda Municipal. “Completo hoje 90 dias de governo e, de certa forma, termino o meu período de conhecimento do fluxo interno e da dinâmica da administração publica, ou seja, passei pelo período de aprendizado e agora quero me dedicar, intensamente, nas áreas fins(saúde, educação, cultura e turismo, esportes e desenvolvimento social). A Guarda Municipal se inclui nesse contexto, como atividade fim, e diante das reivindicações que me foram colocadas,a maioria será viabilizada, porque percebo que suas implementações irão gerar grandes avanços e modernizações que a Guarda precisa”, finalizou Dr. Paulo Célio. 
Fonte: Prefeitura Municipal de Diamantina