segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Alfenas/MG - Guarda Municipal comemora 5 anos de atividade

De acordo com o art. 144, § 8º da Constituição Federal, são os municípios brasileiros autorizados a constituir Guardas Municipais, estando, de igual forma, definida a competência destas como destinadas à proteção de bens, serviços e instalações do município, conforme dispuser a lei.

Um pouco de história...

Guarda Municipal no Brasil Guarda Municipal ou Guarda Civil Municipal é uma instituição que sempre existiu no Brasil. No período Colonial, assim como durante o Império já se constatavam preocupações do poder público com a formação de organizações destinadas a executar tarefas semelhantes às desenvolvidas atualmente pelas Guardas Municipais.

Eram as Ordenanças e Milícias, que não eram organizações de caráter permanente e que se reuniam em situações de emergências, como fazem os órgãos de defesa civil. Seus integrantes não eram remunerados e por conta disso o grau de instrução era muito baixo e a disciplina precária. No início do Segundo Império, essas organizações foram substituídas pela Guarda Nacional, que também não tinha o caráter de instituição permanente.

Com a abdicação do D. Pedro I e a acessão de D. Pedro II, houve muitas revoltas nas Províncias e para conter esses movimentos o Governo Regencial, que dirigia o país em nome do Imperador, que era menor de idade, criou na cidade sede do Império, em 10 de outubro de 1831, um Corpo de Guardas Municipais Permanentes, destinado a manter a ordem pública no Rio de Janeiro. Esse mesmo documento autorizou a criação de organizações desse tipo nas Províncias. Esses organismos, que realizavam as mesmas funções que hoje são desenvolvidas pelas Polícias Militares, deram origem às atuais PMs.

No decorrer do Governo Republicano, muitos Municípios, em todo país, mantiveram esses serviços, com diferentes denominações, mas sempre voltados para garantia do patrimônio municipal.

Nossa realidade! Guarda Municipal em Alfenas

A criação da Guarda Municipal de Alfenas foi formalizada através da Lei nº 3.356 de 07 de maio de 2002, na administração do então Prefeito Sr. José Gutemberg Manso, com o apoio do CONSEPA. A atual administração, na pessoa do Prefeito Pompílio de Lourdes Canavez, convocou mais 37 agentes, equipou melhor a GM e acredita no trabalho desta instituição.

Hoje a GCMA é referência como instituição no estado, servindo de base aos interessados na implantação desta instituição em outros municípios. Com equipamentos de primeira e uma das melhores frotas - 11 viaturas, 03 motos, 22 radiocomunicadores, 01 Sistema de vídeo - vigilância e alarmes, 08 cães com alto treinamento e coletes balísticos - a Guarda Civil Municipal tem seus serviços reconhecidos no Estado de Minas, sendo considerada uma das melhores Guardas Municipais.

A Inspetoria de Segurança Eletrônica é responsável pela diminuição da violência principalmente na área central, conforme estatísticas da Polícia Militar. O Canil desenvolve trabalhos de busca e apreensão com as Polícias Civil e Militar, o Radiopatrulhamento auxilia diretamente na ordem pública assim como o Policiamento Ostensivo nas ruas e Praças.

Em cinco anos de existência, a Guarda Municipal tem sua missão muito bem cumprida. Trazem consigo a idéia de integração com as polícias, o que faz com que se tornem agentes capacitados nas diversas áreas de segurança pública.

Como jovens que são, têm, além de esperança de um mundo melhor, a garra para fazer acontecer ... é isto que os leva a deixar seus lares todos os dias, com a farda, cara e a coragem. Estes são os filhos de Alfenas, que trabalham para servir e proteger a população Alfenense.

Parabéns à Guarda Municipal pelo aniversário de 05 anos!

Fonte: Prefeitura Municipal de Alfenas

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Boa Esperança/MG e Ilicinea/MG - Guardas Municipais concluem curso de prevenção e combate a incendio florestal

 
No período de 20 a 25 de agosto, aconteceu o Curso de Formação de Brigada Voluntária de Prevenção e Combate a Incêndio Florestal, direcionado às Guardas Municipais de Boa Esperança e Ilicínea.
 
A iniciativa, que partiu do Departamento Municipal de Meio Ambiente, com apoio do Parque Estadual Serra da Boa Esperança, foi coordenado pela Divisão de Meio Ambiente do Corpo de Bombeiros de Belo Horizonte.
 
O curso foi ministrado pelo Sargento Lopes, representante do Corpo de Bombeiros da Divisão Ambiental do Comando Operacional de BeloHorizonte. Ao todo, foram capacitados 32 voluntários, sendo 25 da Guarda Municipal de Boa Esperança, 3 da Guarda Municipal de Ilicínea e 4 civis de Boa Esperança. Teve duração de 03 dias, sendo executadas a parte teórica e o treinamento prático 8h/dia. Para o acompanhamento, houve apostilas informativas e explicativas aos voluntários, além do treinamento básico de primeiros socorros, nós e amarrações, bem como, aulas práticas e teóricas de combate a incêndios.
 
A parte teórica ocorreu no auditório do CAIC , e a prática , nas proximidades da pista de motocross, ou seja, em um local seguro e distante das mediações residenciais, justamente para manter e oferecer total segurança aos moradores e voluntários dispostos a executar as tarefas.
 
O método utilizado para o treinamento prático de combate a incêndio foi aquele da construção de aceiros, que consiste no combate indireto: limpando a área a ser inflamada, evitando que o fogo propague-se para outras. Foram usadas ferramentas como abafadores, bombas costais, enxadas e rastelos .
 
No Curso são observadas as características de cada região e ensinadas as formas de se coordenar o combate ao fogo, as técnicas para o combate direto e indireto e também o reconhecimento do local do incêndio.

Fonte: boaesperanca.com.br


sexta-feira, 11 de julho de 2008

Três Pontas/MG - V Encontro Mineiro de Guardas Municipais - Carta de Três Pontas

"Aos 10 de julho de 2008 ocorreu na cidade de Três Pontas o V encontro mineiro de Guardas Municipal realizado pela prefeitura municipal e ONG SOS Segurança da Vida com o apoio do site www.guardasmunicipais.com.br que reuniram 45 cidades sendo:

Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro totalizando aproximadamente 350 pessoas que, em comum acordo, ratificaram a carta do IV Encontro Mineiro ocorrido na cidade de Pouso Alegre.

1. A integralização entre Polícia Militar e Guardas Municipais deverá ser estudada de forma que não prejudique o crescimento das Guardas Municipais.

2. Tomou posse a nova diretoria da AGEMIG (associação das Guardas Municipais de Minas Gerais) sendo seu presidente o Secretário Municipal de Defesa Social, Dr. Leonardo de Sousa Vilela e vice o Sr. Antônio Marcos Ramos de Freitas concursado da Guarda Municipal de Mariana Minas Gerais, que estarão representando as Guardas Municipais junto aos Órgãos Governamentais.

3. Apoiar a aprovação da PEC 534/02, fazendo contato com os parlamentares através de contatos pessoais, e-mails, telefones, etc.

4. Solicitar junto às câmaras municipais dos respectivos municípios, noções de apoio ou de aplausos aprovados pelos vereadores, expressando oficialmente a aprovação da PEC 534/02.

5. As Guardas Municipais de Minas deverão buscar informações e subsídios em outras Guardas Municipais do país com o propósito de criar, implantar ou aperfeiçoar seus integrantes.

6. Informar outras prefeituras municipais que queiram criar Guardas Municipais que deverão realizar os métodos atuais para desenvolver este trabalho.

7. As cidades que tiverem candidatos remanescentes ou simpatizantes às Guardas Municipais deverão avaliar a questão e a viabilidade de apoio as suas candidaturas com relação às eleições 2008.

8. Escolher a cidade de Betim/MG que deverão sediar o VI Encontro Mineiro de Guardas Municipais para o ano de 2009.

Três Pontas 11 de julho de 2008.

Rodrigo do Rosário Sena Brasil
Maurício Domingues da Silva Naval
Antônio Marcos Ramos de Freitas
Tiago Brito Dias

Três Pontas/MG - V Encontro Mineiro de Guardas Municipais - Fotos

Fotos: Mauricio Maciel (Varginha) e GM de Três Pontas

Foi realizado em todo dia de ontem, na cidade de Três Pontas/MG, o evento que marcará uma nova fase das Guardas Municipais. O evento teve a participação de diversas GMs de todo o país, inclusive, com a de um integrante da Guarda Civil Metropolitana da capital paulista, que após receber treinamento nos Estados Unidos, foi nomeado como Policial honorário de uma das cidades do estado da Califórnia. Dentre os participantes destacamos a presença das Guardas, além da anfitriã Três Pontas, Varginha, Campos Gerais, Pouso Alegre, Angra dos Reis, Atibaia, Belo Horizonte, Campinas, Conceição da Aparecida, Conchal, Conselheiro Lafaiete, Diamantina, Indaiatuba, Itabirito, Itapira, Juiz de Fora, Lagoa da Prata, Mogi-Mirim, Barbacena, Pirapora, Rio Bonito, Boa Esperança, Ilicínea, Mariana, Betim, Contagem, Santa Rita do Sapucaí, São José dos Campos, São Paulo, Uberaba, Rio das Ostras, Poços de caldas, Ouro Preto, Alfenas, Guaíba, Guarulhos, Civil Metropolitana da Capital, Paulínia, Nova Serrana e outras.

O encontro também foi marcado pela presença de diversas autoridades da área de segurança pública, dentre as quais destacamos integrantes da Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), representantes da Câmara dos Deputados, da Assembléia Legislativa, de Câmaras Municipais, de Secretarias Municipais, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Civil e da Polícia Militar.

A abertura das falas ficou a cargo do Secretário Municipal de Defesa Social de Alfenas, Sr. Leonardo Vilela, que destacou a importância dos convênios para facilitar as aquisições de viaturas e equipamentos. Falou também da criação da AGEMIG como um facilitador de contatos entre as Guardas Municipais e o Governo do Estado.

Foram abordados vários assuntos, dando ênfase para as parcerias entre as diversas instâncias da área de segurança pública, como disse em seu pronunciamento, a Sra. Cátia Emanuelle, Coordenadora de ações e Prevenções em Segurança do SENASP, destacou a importância, a missão constitucional das Guardas Municipais, e do trabalho desenvolvido pela SENASP, no sentido de conscientizar a todos a respeito da mudança de mentalidade na área da prevenção em Segurança Pública. Priorizando principalmente a questão do apoio do SENASP na formação, treinamento, aperfeiçoamento constante dos agentes da Guardas Municipais do País. Desenvolvendo um trabalho voltado para a prevenção junto a comunidade, pois o Guarda Municipal, por pertencer ao município, se torna um canalizador efetivo da integração e busca de soluções dos problemas com a população. Destacou também os caminhos a serem percorridos pelas Guardas Municipais que pretendem buscar investimentos Federais para suas Instituições. Finalizando sua fala com as notícias da criação do Selo de Qualidade para as Guardas Municipais e a facilidade de acesso ao PRONASI – Programa voltado para a concessão de bolsas de estudos para aperfeiçoamento dos Guardas Municipais.

O Sr. Ten Cel PM José Fernando Cantarino, disse a respeito da importância da integração da Guarda Municipal com a comunidade. Dando ênfase para a conscientização de ambos em relação aos Direitos e os Deveres de todos. O Guarda Municipal, além de respeitar os Direitos Humanos, deve ter ética profissional e responsabilidade social. Devendo estar constantemente buscando treinamentos e qualificações, para estreitar ainda mais o contato com a população, pois sempre é o primeiro a ser visto, se tornando um porta voz da comunidade, que com bons exemplos acabam gerando um impacto positivo. E que as divergências entre os órgãos de segurança pública devem ter canais de ligação para serem superados, buscando sempre a harmonia e o objetivo comum que o da “Paz Social”. Segundo ele “A Polícia Militar escolheu o caminho da parceria, existem as diferenças, mas o mais importante é a integração, o diálogo e o trabalho em conjunto, cada um dentro do seu papel constitucional de cada Instituição”.

Segundo o Guarda Municipal Naval, a parceria dos órgãos de segurança públicos na integração deve sair da teoria e ser aplicado na prática, sem vaidades e interesses particulares. Destacou a importante evolução que as GMS vêem conseguindo com o apoio da nova política da SENASP. Citou a PEC nº.534, que na verdade não altera os procedimentos dos trabalhos das Guardas municipais do País, pois elas já atuam de forma efetiva na área de segurança. Afirmou também que “ As Guardas Municipais devem ter sua identidade, seus centros de formação e treinamentos próprios. O Guarda Municipal por nascer, crescer e viver na comunidade se torna o principal agente no trabalho comunitário.”

Sr. Carlos Alexandre Braga, presidente da AGMESP, falou em seu discurso sobre as competências e atribuições das Guardas Municipais.

Finalizando com a apresentação do vídeo institucional da Guarda Municipal de Paulínia/SP e uma mensagem do Secretário Municipal de Segurança a todos os participantes do evento. Depois o Pelotão de Choque da Guarda Municipal de Paulínia fez uma apresentação na principal praça da cidade de Três Pontas.

sexta-feira, 27 de junho de 2008

Três Pontas/MG - V Encontro Mineiro de Guardas Municipais - Programação



O 5º Encontro Mineiro das Guardas Municipais dará a oportunidade de autoridades e cidadãos comuns que ainda não se atinaram para essa questão, possam conhece-la e compreendê-la, e às Guardas Municipais já existentes que ainda buscam seu espaço de destaque em seus municípios, possam abranger seus horizontes de atuação ocupar seu lugar de direito, prestando um serviço de excelência a sociedade mineira.

Obs: Ficha de Inscrição:
Site: guardasmunicipais.com.br 

PROGRAMAÇÃO

07:30 às 08:30h – Recepção, credenciamento e coffee-break.

08:30 às 09:15h – Abertura e boas vindas (Paulo Luís Rabello – Pref. Municipal) Hino Nacional – Corporação Musical Luís Antônio Ribeiro.

09:15 às 09:45h – “Estruturação da AGEMIG”
Palestrante: DR. LEONARDO DE SOUZA VILELA – Secretário Municipal de Defesa Social, Coordenador Geral da Guarda Civil Municipal de Alfenas e Presidente da AGEMIG.

09:45 às 10:15h – “Integração Guarda Municipal e Sociedade”
Palestrante: TEN. CEL. JOSÉ FERNANDO CANTARINO Comandante do 24º Batalhão da PMMG.

10:15 às 11:00h – “Situação da PEC 534 e Parte Política da GM”
Palestrante: MAURÍCIO DOMINGUES DA SILVA (NAVAL); Classe Distinta da Guarda Civil Metropolitana de SP. Criador do site guardas municipais.

11:00 às 11:40h – “A Importância da GM para a Sociedade”
Palestrante: CICERO LUIS DE BRITO – Sec. Da Guarda Mun. de Paulínia – SP e Vice-Presidente do CNGM.

11:40 às 12:00h – Perguntas, respostas, debates.

12:00 às 13:30h – Intervalo para almoço.

13:30 às 14:20h – “Atribuições das GM’S, Poder de Polícia e Padronização”
Palestrante: CARLOS ALEXANDRE BRAGA – Presidente da AGMESP – Presidente da AGM – BRASIL; Insp. Reg. da Guarda Civil Metropolitana SP.

14:20 às 15:00 – “Ações de Prevenção e Segurança Pública pela SENASP”
Palestrante: JOANA LIMA ANDRÉA – Coordenadora de Ações de Prevenção em Segurança Pública – SENASP/MJ

15:00 às 15:40 – “Trânsito e Emergências”
Palestrante: MÁRCIO RIBEIRO – Guarda Civil Metropolitano SP, Instrutor de Emergência no Trânsito e Sargento Honorário da Patrulha dos Caminhos da Califórnia (Chips).

15:40 às 16:20 – “Patrulhamento Comunitário”
Palestrante: MARCELO JOSÉ VIRGÍLIO – GCM 1ª Classe Guarulhos.

16:20 às 16:40 – Perguntas, respostas, debates.

16:40 às 17:10 – Apresentação do Pelotão de Choque da GM de Paulínia

17:10 às 17:30 – Intervalo, Coffee-break

17:30 às 18:00 – Encerramento e Entrega de Certificados

18:00 – Carreata com todos os participantes.

Fonte: guardasmunicipais.com.br

terça-feira, 29 de abril de 2008

Juvenilia/MG - Prorrogadas inscrições para Guarda Municipal - 34 vagas

Sobre as inscrições:
•A inscrição será efetuada de forma Presencial, de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00, na Secretaria Municipal da Educação de Juvenília - localizada na Avenida Vitalmiro Bispo de Souza, nº 215 - Centro - Telefone: (38) 3614-9113 ou (38) 3614-9120; em Montalvânia - no CDL/Associação Comercial - Avenida Confúcio, nº 1661 "A" - Centro; e em Feira da Mata-BA - na Praça do Mercado s/n, no período de 28 de abril a 16 de maio de 2008;
•Poderá também ser efetuada através da Internet, no endereço eletrônico http://www.apmpublica.com.br/, no mesmo período.
O pagamento taxa de inscrição correspondente ao cargo pretendido, será feito através de depósito bancário do valor devido, a favor da firma Wallace Ribeiro Almeida - na Caixa Econômica Federal, Agência 0771 - Operação 003 - Conta: 144-6; - no Bradesco ou Agências do Correio, Agência 3049-0 - Conta: 700274-2.
O valor da taxa de inscrição será de R$ 220,00, R$ 195,00, R$ 95,00, R$ 90,00, R$ 80,00 ou R$ 55,00 para cargos de Nível Superior; R$ 65,00, R$ 45,00, R$ 40,00, R$ 35,00 ou R$ 30,00 para cargos de Nível Médio; R$ 45,00 ou R$ 35,00 para cargos de Nível Fundamental; R$ 75,00, R$ 50,00, R$ 45,00, R$ 40,00 ou R$ 35,00 para cargos de Nível Fundamental Incompleto, e de R$ 35,00 para cargos de Nível Alfabetizado.
Os cargos oferecidos são os seguintes:
•Nível Superior: Analista Educacional (1), Assistente Social (1), Cirurgião Dentista (2), Enfermeiro (1), Enfermeiro - PSF (2), Farmacêutico / Bioquímico (1), Fisioterapeuta (1), Médico Cirurgião (1), Médico Clínico Geral (1), Médico Generalista - PSF (2), Nutricionista (1), Orientador Educacional (3), Professor Coordenador (1), Professor P1 da "EJA" (8), Professor P1 de Educação Infantil (12), Professor P1 do Preparatório a 4ª Série (42), Professor P2 - Artes (2), Ciências (2), Educação Especial (1), Educação Física (3), Educação Religiosa (2), Geografia (2), História (2), Inglês (2), Língua Portuguesa (4), Matemática (4), Orientação Sexual (2), Psicólogo Escolar (1), Psicólogo Social (CRAS) (1), Sociólogo (1), Supervisor Pedagógico (3), Técnico de Planejamento em Saúde (1), Técnico em Planejamento Escolar (1);
•Nível Médio: Agente Administrativo (4), Agente Comunitário de Saúde (18), Agente de Controle Ambiental (1), Agente de Vigilância Epidemiológica (4), Agente de Vigilância Sanitária (4), Agente Fiscal (3), Agente Social - CRAS (1), Almoxarife (1), Assistente Administrativo (4), Atendente de Biblioteca (3), Atendente de Consultório Dental (2), Auxiliar de Enfermagem (4), Auxiliar de Farmácia (1), Auxiliar de Fisioterapia (1), Auxiliar de Laboratório (1), Auxiliar de Secretaria (4), Digitador (3), Educador em Saúde (1), Fiscal Geral (1), Inspetor de Alunos (3), Monitor de Educação Infantil (4), Secretário(a) Escolar (6), Técnico Agrícola (1), Técnico em Enfermagem (4), Técnico em Enfermagem / Plantonista (3), Técnico em Higiene Dental (THD) (1), Técnico em Raios-X (1);
Nível Fundamental: Atendente de Creche (6), Guarda Municipal (34), Mensageiro (2), Monitor de Esporte e Lazer (2), Recepcionista / Telefonista (4);
•Nível Fundamental Incompleto: Assistente Mecânico (1), Calceteiro (1), Cantineira (2), Cozinheiro Escolar (8), Encarregado de Garagem (1), Fiscal de Limpeza Pública (1), Guarda de Mercado (2), Jardineiro (4), Mecânico de Manutenção (1), Motorista I (3), Motorista II (11), Oficial de Manutenção (2), Operador de Pá - Carregadeira (1), Operador de Patrol (1), Operador de Trator (1), Pedreiro (1), Porteiro Escolar (1), Servente Escolar (16), Serviçal (16);
•Nível Alfabetizado: Auxiliar de Serviços Gerais (26), Gari (22), Vigia (8).
Sobre a realização das Provas:
A divulgação da relação de candidatos inscritos e do local, data e horário de realização das provas (Objetiva de Múltipla Escolha e Prática), estará disponível no site e no Quadro de Avisos da Prefeitura Municipal, no dia 26 de maio de 2008.
•A Prova Escrita, para todos os cargos será aplicada em 8 de junho de 2008, em local e horário divulgados quando da homologação das inscrições, com duração de 3 horas;
•A lista dos candidatos que poderão participar da Prova de Títulos será divulgada na sede da Prefeitura Municipal de Juvenília-MG, bem como no site.
O Concurso terá validade por 2 anos a partir da data de homologação dos resultados, prorrogável por igual período, a critério do Órgão promotor do Concurso.

Fonte: PCI Concursos

quinta-feira, 3 de abril de 2008

Diamantina/MG - Lei nº 3.351 de 03 de abril de 2008 - Cria cargo de Assistente da Guarda Municipal

CRIA CARGO DE ASSISTENTE DA GUARDA MUNICIPAL PATRIMONIAL E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.


A CÂMARA MUNICIPAL DE DIAMANTINA DECRETA E EU, SANCIONO A SEGUINTE LEI:


         Art. 1º - Fica criado o cargo em comissão de recrutamento amplo, de Assistente da Guarda Municipal Patrimonial, referência de vencimento 97.

Art. 2º - Fica criado, na Secretaria Municipal de Saúde e Promoção Social, o cargo comissionado, de recrutamento limitado, de Chefe de Setor do Programa de Combate do Cúlex, referência de vencimento 64.

         Art. 3º - As despesas decorrentes desta Lei correrão por conta de dotações próprias do orçamento do município.

         Art. 4º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

                  
DIAMANTINA(MG), 03 DE ABRIL DE 2008.


GUSTAVO BOTELHO JÚNIOR
PREFEITO MUNICIPAL

quinta-feira, 27 de março de 2008

BH/MG - FGR responde perguntas sobre concurso edital 01/2007 para Guarda Municipal

CONCURSO GUARDA MUNICIPAL

No ano passado, aconteceu o concurso público para Guarda Municipal de Belo Horizonte, no qual o edital oferecia 1.200 vagas (1.114 para homens e 60 para mulheres). O resultado final do concurso saiu no site da Fundação Guimarães Rosa e não foi preenchido o número de vagas previstas no edital nº 01/2007. Pessoas querem saber da Prefeitura de Belo Horizonte se o número de vagas será respeitado. Haverá possibilidade de novas convocações, observada a ordem classificatória ou o não-comparecimento no exame psicológico? Quantas pessoas homens e mulheres passaram no concurso?


RESPOSTA I

A Fundação Guimarães Rosa informa que, o concurso foi desenvolvido por fases e tapas, conforme preconiza o edital. Na primeira fase das etapas isoladas, foram realizadas provas objetivas de múltipla escolha, eliminatórias e, assim, a classificação. Na segunda etapa, também foi realizada prova de título e a classificação. Na terceira, foi aplicada uma prova de capacidade física, eliminatória e de classificação, para os primeiros 3.420 candidatos do sexo masculino e 180 do sexo feminino.

Os candidatos não-convocados para essa etapa estão automaticamente excluídos do concurso. Nas fases seguintes, foram realizados exames psicológicos, sindicância social e exames médicos, seguidos de eliminatórias. Para essas etapa, foram convocados os primeiros 1.425 candidatos do sexo masculino e 75 do sexo feminino. Os demais foram automaticamente excluídos. A segunda fase do concurso consiste em um curso de Formação de Guarda Municipal, em duas turmas, com 570 candidatos masculinos e 30 femininos. A primeira turma possui 582 aprovados e a segunda, 575. Os demais candidatos, que não foram convocados para as etapas estão eliminados do concurso, conforme o edital 01/2007.

Fundação Guimarães Rosa
RESPOSTA II

A Prefeitura de Belo Horizonte esclarece que o número de convocados para as primeiras etapas é sempre maior que o de vagas em razão das desistências e eliminações que ocorrem a cada etapa. Não há possibilidade de novas convocações uma vez que o treinamento já foi iniciado e o prazo necessário para preparar o candidato excede o número de aulas que o aluno pode perder. Informações através do site da Prefeitura de Belo Horizonte (www.pbh.gov.br) ou pela Fundação Guimarães Rosa.

Assessoria de Comunicação

Fonte Adaptada: Jornal Super Noticia / Blog Boca no Trombone